Radiofarmácia é livro do momento para todos envolvidos com a utilização dos radiofármacos, nos campos de imagem, diagnóstico e tratamento médico, particularmente oncológico. Aliás, os radiofármacos ganharam excepcional impulso após a descoberta da Tomografia por Emissão de Pósitron, na década de 1970.
Como se sabe, os radiofármacos possibilitam - ao contrário de outros fármacos visualizar com precisão os processos bioquímicos e fisiológicos em nível molecular, fato que os torna da maior importância para os procedimentos médicos, sobretudo em Medicina Nuclear. Sua aplicabilidade, por ser muito abrangente, leva-os a cada dia a uma crescente utilização atualmente abrem leque para mais de 50 procedimentos clínicos diferentes.
Radiofarmácia é livro de grande importância como fonte de consulta técnica e valioso sentido prático: é a única produção científica em língua portuguesa a apresentar monografias de radiofármacos, extraídas da Farmacopeia Internacional.
O livro abrange 11 capítulos e 1 Anexo, 1 Glossário e Referências Bibliográficas. São 160 páginas no seu todo.
É, pois, trabalho que se tornará, sem sombra de dúvida, leitura essencial e obrigatória para Farmacêuticos - Bioquímicos, Biólogos, maginólogos e especialistas em Medicina Nuclear; e quiçá, Físicos Nucleares interessados na interface de seus conhecimentos com a Medicina.

Radiofarmácia

R$142,00
Radiofarmácia R$142,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

Radiofarmácia é livro do momento para todos envolvidos com a utilização dos radiofármacos, nos campos de imagem, diagnóstico e tratamento médico, particularmente oncológico. Aliás, os radiofármacos ganharam excepcional impulso após a descoberta da Tomografia por Emissão de Pósitron, na década de 1970.
Como se sabe, os radiofármacos possibilitam - ao contrário de outros fármacos visualizar com precisão os processos bioquímicos e fisiológicos em nível molecular, fato que os torna da maior importância para os procedimentos médicos, sobretudo em Medicina Nuclear. Sua aplicabilidade, por ser muito abrangente, leva-os a cada dia a uma crescente utilização atualmente abrem leque para mais de 50 procedimentos clínicos diferentes.
Radiofarmácia é livro de grande importância como fonte de consulta técnica e valioso sentido prático: é a única produção científica em língua portuguesa a apresentar monografias de radiofármacos, extraídas da Farmacopeia Internacional.
O livro abrange 11 capítulos e 1 Anexo, 1 Glossário e Referências Bibliográficas. São 160 páginas no seu todo.
É, pois, trabalho que se tornará, sem sombra de dúvida, leitura essencial e obrigatória para Farmacêuticos - Bioquímicos, Biólogos, maginólogos e especialistas em Medicina Nuclear; e quiçá, Físicos Nucleares interessados na interface de seus conhecimentos com a Medicina.