Discussão de Casos Clínicos e Cirúrgicos - Uma importante Ferramenta para a Autuação do Enfermeiro, 2ª Edição, é livro destinado a ocupar o vazio existente no ensino de Enfermagem, ao utilizar a didática da apresentação de casos e que, neste trabalho, segue duas linhas de pensamento fundamentais:
a. estudo pontual dos aspectos práticos, vividos no dia a dia pelos pacientes e enfermeiros;
b. a reflexão, os questionamentos e o diálogo emergentes da prática: como assistir, como cuidar, como preservar a vida.
O discurso de casos clínicos, em muitos momentos, entra em conflito com as condutas e os protocolos estabelecidos como consequência da modernidade: o pensamento tecnológico assistencial. O conflito ou as contradições nascem das indagações decorrentes da prática, espaço próprio onde o conhecimento é aferido, e, daí, surge o interminável trabalho de correção e ajuste desse mesmo conhecimento, que nada mais é que o suceder de erros de investigação e pesquisa, a cada momento refeitos e corrigidos. Por exemplo: muitas pessoas no estudo dos casos apresentam a mesma doença, com histórias clínicas diferentes. Eis aí a constatação de não ser a saúde uma ciência exata.
Este livro se constituirá, sem sombra de dúvida, em “importante ferramenta para a atuação do enfermeiro”, como bem diz seu subtítulo. Uma ferramenta de exercício, de trabalho e de aplicação de seus conhecimentos.

Discussão de casos clínicos e cirúrgicos

R$237,00
Discussão de casos clínicos e cirúrgicos R$237,00
Entregas para o CEP:

Meios de envio

Discussão de Casos Clínicos e Cirúrgicos - Uma importante Ferramenta para a Autuação do Enfermeiro, 2ª Edição, é livro destinado a ocupar o vazio existente no ensino de Enfermagem, ao utilizar a didática da apresentação de casos e que, neste trabalho, segue duas linhas de pensamento fundamentais:
a. estudo pontual dos aspectos práticos, vividos no dia a dia pelos pacientes e enfermeiros;
b. a reflexão, os questionamentos e o diálogo emergentes da prática: como assistir, como cuidar, como preservar a vida.
O discurso de casos clínicos, em muitos momentos, entra em conflito com as condutas e os protocolos estabelecidos como consequência da modernidade: o pensamento tecnológico assistencial. O conflito ou as contradições nascem das indagações decorrentes da prática, espaço próprio onde o conhecimento é aferido, e, daí, surge o interminável trabalho de correção e ajuste desse mesmo conhecimento, que nada mais é que o suceder de erros de investigação e pesquisa, a cada momento refeitos e corrigidos. Por exemplo: muitas pessoas no estudo dos casos apresentam a mesma doença, com histórias clínicas diferentes. Eis aí a constatação de não ser a saúde uma ciência exata.
Este livro se constituirá, sem sombra de dúvida, em “importante ferramenta para a atuação do enfermeiro”, como bem diz seu subtítulo. Uma ferramenta de exercício, de trabalho e de aplicação de seus conhecimentos.